PT, PSDB se aliam a Russomano e PSOL pela interrupção de “Avenida Brasil” até as eleições municipais; decisão do Supremo é indefinida

Os principais partidos que disputam a prefeitura paulistana pediram ontem ao Supremo Tribunal Federal um mandato de segurança contra a Rede Globo, pela interrupção da novela “Avenida Brasil” até a apuração da votação nas eleições municipais.

O pedido é inédito no Brasil. No passado, governos autoritários chegaram a censurar programas de entretenimento pelo seu conteúdo, tal como a primeira versão de “Roque Santeiro” e episódios em outras novelas que foram ao ar. Mas não há registro de interrupção por período determinado nem no Brasil nem em outros países.

O pedido baseia-se no argumento de que “a novela distrai a população” num momento de grande importância para a cidade de São Paulo, com o clássico PT x PSDB sendo disputado de modo embaralhado com outros partidos mais insignificantes.

A novela das 9 da Rede Globo tem trazido de volta ao gênero o glamour perdido em algum momento da vida de Janete Clair, com uma trama complexa, uma interpretação generosa dos atores, além de técnicas de cinema e sem aquela chatice de merchandising social que ninguém mais aguentava.

Juristas soviéticos discordam da propriedade do pedido. “Se há alguma dúvida sobre a censura, o correto é mandar queimar tudo e deportar quem por acaso souber qual a relação de Carminha com a Mãe Lucinda. Essa coisa de meio-termo é ineficaz.” Setores do PSDB ecoam a crítica: “Buscando um equilíbrio entre regulamentação e liberdade, é importante, no sentido do que vem a ser realmente relevante, deixar rolar essa nova fase da teledramaturgia nacional ao passo que não se descuide do principal: a história nacional que se desenrola.”

A Rede Globo não se manifestou oficialmente, mas no Projac há um clima de medo. “Não é como na época do Dr. Marinho, em que um telefonema derrubava um ministro. Esses políticos perderam completamente a razão.” Esse blog continuará cobrindo essa fake questão e seus desdobramentos.

Anúncios

Uma resposta em “PT, PSDB se aliam a Russomano e PSOL pela interrupção de “Avenida Brasil” até as eleições municipais; decisão do Supremo é indefinida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s